4 MEDIDAS SIMPLES PARA REDUZIR OS RISCOS DA EMPRESA

Correr riscos não é opcional para quem dirige uma empresa, porque assumir riscos é parte da atividade empresarial, não dá para fugir disso.

O que você pode fazer é reduzir os riscos da sua empresa, e seu próprio risco como empresário. E para lhe ajudar nesse sentido, hoje eu vou falar sobre que 4 medidas simples para você controlar bem os riscos.

São ações que se complementam, uma depende da outra, e por isso é importante você ler o artigo até o final.

Este é mais conteúdo sobre a 11 Fragilidades e Riscos, que por objetivo lhe ajudar a crescer, porém de forma sustentável.

E a primeira medida é identificar todos os eventos futuros (os riscos) que podem lhe impedir de alcançar suas metas e também lhe atingir negativamente.

Este é sem dúvida o primeiro passo, porque você só é capaz de enfrentar um inimigo quando sabe se ele realmente existe. Então é preciso identificar os riscos em primeiro lugar. Por exemplo, existe algum risco de você ficar sem caixa nos próximos meses, porque os negócios não andam bem?

A segunda medida é avaliar os riscos, para saber se eles são realmente relevantes para você –  porque podem não ser. Se você detectou que existe um risco, mas ele não terá grandes impactos para sua empresa, para que você iria se preocupar com ele? Num caso desses, tire a preocupação da sua frente.

Sua cabeça precisa estar concentrada naquilo que é importante, ou seja, nos riscos que de fato causarão um problema maior para você. Por exemplo, voltando ao exemplo anterior, se você ficar sem dinheiro, além de dificultar a vida da sua empresa, o problema afetará também sua vida pessoal e da sua família. E você não vai querer que isso aconteça!

E cuidado: existem técnicas para avaliar os riscos corretamente, utilizando as variáveis do Impacto e da Probabilidade. O processo é um tanto intuitivo, com base na sua experiência, mas é preciso fazer as perguntas corretas para avaliar os riscos corretamente. Se você não tem experiência na avaliação de riscos, sugiro pedir ajuda a um especialista.

Terceira medida: definir a resposta ao risco. O vídeo Como Responder aos Riscos  explica as 4 alternativas para tratar dos riscos. Em resumo, você pode desistir do risco, assumir o risco sem fazer nada, transferir o risco para terceiros ou reduzir o risco.

Se você decidir por reduzir o risco, deve então implantar algum controle. É simples assim! Você segue a vida com o risco, mais estabelece uma ou mais ações para lidar com ele.

E a quarta medida é monitorar o risco e os controles que você implantou. A sua empresa está em constante mudança, assim como os riscos que ela corre. Um risco que você avaliou como pouco importante hoje, pode ser tornar algo amanhã. É preciso acompanhar.

E o mesmo acontece com os controles que você implantou: você deve verificar se eles estão sendo eficazes para controlar os riscos conforme você planejou. Por se não estiverem, você terá de melhorar eles, para não ficar gastando dinheiro em vão.

Essas são as 4 medidas para gerenciar os riscos: identificar, avaliar, controlar e acompanhar. E isso se aplica a qualquer tipo de empresa, não importa o tamanho ou que ela faz, sempre existem riscos que você deve controlar.

Se você seguir esse método, vai enfrentar os riscos com mais segurança, porque saberá onde está pisando, evitando cair em algum buraco e se machucar. A tendência é que você se torne uma pessoa mais tranquila por esse motivo.

 

Aproveite e adquira o livro inédito “As 11 Fragilidades Que Derrubam Sua Empresa“.